Algures no mundo

Bali.

Leave a comment

Ouvi maravilhas de Bali. E gente que me dizia o oposto.

Fui ver (ja dizia aquele poema de Augusto Gil).

Percebo que e sujo, que tem muita gente a tentar aproveitar-se de nos. Que tem night clubs que nao sao bem a minha praia. Que a minha canja de galinha comprada na rua era uma porcaria, ao contrario do que e habitual, ja que normalmente a comida de rua na Asia e optima.

E por tudo isto, estava meio desapontada, inicialmente.

Mas fui ver mais (nunca desistir a primeira). Fui a Ubud. Que bonito (no more words needed). Estava um calorao, e a meio dos campos percebemos que tinhamos deixado as chaves da nossa mota, na propria da mota (sempre bom!), entao fizemos o caminho contrario a correr, literalmente. Por campos de arroz. Cima e baixo. 3o minutos. Com o aparecimento de uma cobra pelo meio. Mas estava la tudo. E nos a escorrer completamente. E como Deus e bom, passados 20 minutos de nos queixarmos do calor, decidiu enviar uma chuvada. Das grandes. E nos de mota. A tentar ir a um vulcao (ao qual nunca chegamos porque percebemos que ainda faltava muito tempo, e a chuva nao estava com ar de se ir embora).

Almocamos e jantamos por la. Ui! DO MELHOR! A comida era tao boa!!! Recomendo. Mesmo.

(E porque so vou falar do bom), depois fomos para Padang Padang. Uma praiazinha pequena, com gente aos magotes (essa parte nao foi tao boa), mas era bem bonita (tambem). De dizer que fomos primeiro para o lado completamente errado da ilha. Sou um calhau a ler mapas. Mas a verdade e que o meu esforco nao e muito (gosto de me ir perdendo e vendo coisas diferentes). Neste caso so vi o meu rabo quadrado (que na mota com as mochilas nem sempre e facil), mas “tudo tranquilo, socio”.

Por la ficamos numa guest house “Terrace Ampels” que era optima! (Viva a Diana que deu optimas dicas). Com boa piscina (e depois de vir da praia, dar um mergulho na piscina a olhar para a floresta..sim, e bom!).

Fomos ver o por do sol a Uluwatu. Fiz aquilo a que chamo tentativa de surf (em Padang Padang) – claramente o jeito “doesnt run in the whole family”, fomos a um mercado de peixe e marisco que era simplesmente maravilhoso em Jimbaran. Comprava-se o que se queria e eles cozinhavam.

E para completar fomos a um outlet (nem uma hora la ficamos porque nenhum de nos aguenta compras muito tempo), mas tinha roupa baratissima de todas as marcas de surf. E por baratissima entenda-se tops a 3 euros, por exemplo. Could I be happier? (Odeio compras, mas adoro bons negocios).

So 4 dias deu para tudo isto.

Bring the next destination!

(De qualquer forma daqui a uma semana volto dois dias).

Ah, e nao ha acentos neste teclado. Ossos do oficio.

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s