Algures no mundo

2014. Venha 2015.

Leave a comment

De repente dou por mim a ver o meu disco externo. O ano de 2014. E fico maravilhada com os sítios todos onde fui. Com as pessoas que conheci. Com tudo o que aconteceu. Que ano!

Estive em Portugal algum tempo. Fui a Moçambique (e só isso marca logo 200 pontos!), fui às Filipinas, França, Alemanha, Holanda, Espanha, Cambodja, África do Sul, Swazilândia, Singapura, Indonésia, Timor. Fui madrinha de casamento de 3 grandes amigas (e agora também amigos). Acompanhei a gravidez de uns bons amigos. De perto. Tive mais primos a nascerem, e outros a ficarem à espera de bebé. Estive com a família em lanches em casa, pizzarias e McDonalds. Conheci pessoas fantásticas. Algumas nunca mais vou ver. Outras sei que ficam até quando for velhinha (se lá chegar, que a este ritmo, talvez não chegue). Fiz ski. Na neve. Na água. Snowboard. Wake Board. Surf (o que é uma piada, que sou terrível). Saltei de parapente. E de muros altos. Conheci filhos de amigos e revi amigos que não via há muito tempo. Estive no frio. No calor. Vi castelos, fui a parques de diversões, praias paradisíacas. Mergulhei com tubarões, com tartarugas, moreias, e vi baleias e pinguins. Aprendi a passar camisas em vídeos do youtube. A mexer em photoshop (também em vídeos do youtube). Aprendi truques para fotografar concertos na internet e fiz a minha página de fotografia que está a correr bem. Fotografei pela primeira vez a ser paga. Estou quase no fim do meu livro (escrevi-o todo, e tive o Mia Couto a dizer que me escreveria o prefácio).
E fui pedida em casamento por alguém que adoro e me atura todos os dias com uma paciência infinda, mesmo quando às vezes não mereço.
Fiz tudo isto e tenho a certeza de que me estou a esquecer de várias coisas. Fiz tudo isto e sei que houve alturas em que não foi fácil, por um motivo ou outro. Sei que houve alturas em que apeteceu mandar tudo ao ar e recomeçar de novo qualquer coisa que não sei o quê, não sei onde. Mas valeu a pena (já dizia o Fernando Pessoa). Sim, porque a minha alma não é pequena (para isso basta o meu metro e meio).
Espera-se que o próximo ano tenha tanto de bom como este.
Viva 2014. Venha 2015! (Que começou comigo a ganhar ontem um Iphone 5 num concurso. 2015, estás num bom caminho).

untitled-3295 untitled-6852 untitled-6678 untitled-6559 untitled-6526 untitled-5588 untitled-5486 untitled-5464 untitled-5181 untitled-5151 untitled-4549 untitled-4285 untitled-3945 untitled-3777 untitled-3734 untitled-3699 untitled-3224 untitled-2498 untitled-2437 untitled-2284 untitled-2209 untitled-2129 untitled-2107 untitled-1503 untitled-1436 untitled-0920 untitled-0855 untitled-0554 untitled-0550 untitled-0549 untitled-0202 untitled-0107 untitled-4326 untitled-4440 untitled-2725 untitled-2776 untitled-2785 untitled-2-3 untitled-2624 untitled-2-2 untitled-2 untitled-9934 DCIM100GOPRO DSC_7207 DSC_1016 DSC_4440 DSC_3940 DSC_3709 DSC_3487 DSC_2562 photo 1 DSC_2491 DSC_2303 DSC_2283 DSC_1784 “Mama always said life was like a box of chocolates. You never know what you’re gonna get.” And mama was right!

Advertisements

Leave a Reply

Fill in your details below or click an icon to log in:

WordPress.com Logo

You are commenting using your WordPress.com account. Log Out / Change )

Twitter picture

You are commenting using your Twitter account. Log Out / Change )

Facebook photo

You are commenting using your Facebook account. Log Out / Change )

Google+ photo

You are commenting using your Google+ account. Log Out / Change )

Connecting to %s